A Bela e a Fera

310

Eu ainda estou sem palavras para poder explicar o quanto eu amei A Bela e a Fera… Passei um grande transtorno para poder assistir esse filme, com um cinema mal organizado, funcionários perdidos e mal educados e sem contar que haviam muitas pessoas mal caráter pulando fila, fiquei 1h na fila pra chegar minha vez e não ter mais ingresso para o horário que eu fui ver, mas o gerente para resolver a situação horrível que estava no cinema, resolveu abrir outra sala para ver o filme, com isso consegui comprar meu ingresso e entrar finalmente na sala de cinema. Assim que começou o filme, eu pude finalmente relaxar e curtir o mesmo, quando o filme acabou eu pude sair da sala orgulhosa do que vi e ainda com pensamento de que a Disney cumpriu com tudo aquilo que prometeu, cada detalhe, cada música, foi tudo muito bem colocado, a Disney tem arrasado demais nas Live-Action e prevejo que as próximas produções serão maravilhosas também.

Com um começo maravilhoso contando a história do príncipe arrogante e sem coração, que amava festas e não ligava para ninguém além de si mesmo, nós vemos a feiticeira lhe jogando o feitiço e assim levando todos que estavam no castelo pagar o preço também, dando-lhe uma rosa e lhe dizendo que só poderia quebrar o feitiço quando encontra-se o amor verdadeiro, mas se ele não achasse antes da última pétala da rosa cair, todos do castelo permaneceriam como estavam para sempre.

No vilarejo, conhecemos Bela, a menina doce e diferente de todas as garotas que existem na vila, por ser uma menina culta que sabe ler e criar coisas assim como seu pai, ela é taxada como esquisita pela população da vila.

Bela vive curiosa para saber sobre sua mãe, porém respeita seu pai Maurice sobre esse assunto que ele evita de falar, ajudando seu pai a consertar a caixinha de música que ele criou para poder vender no mercado da cidade, Bela sempre lhe pede uma rosa de presente quando o mesmo vai a cidade, e seu pai sempre lhe traz.

Maurice tem um grande caminho pela frente, indo pela floresta a noite, logo é atacado por lobos, para escapar dos lobos, Maurice adentra um castelo que tinha no meio da floresta, e logo irá descobrir que não é um castelo comum.

Na vila, logo conhecemos o famoso e mais bonitão (assim como ele mesmo diz) Gastão, que sonha em se casar com Bela, mas ele só pensa em si mesmo e tem um amor próprio que dá até inveja, sempre tentando conquistar a Bela de todas as maneiras possíveis e sempre falhando… Mas qual homem não ama uma mulher difícil não é mesmo!?

Seu companheiro e amigo LeFou sempre lhe dá dicas, o mesmo o admira e vemos uma quedinha de LeFou por Gastão, sim LeFou é o nosso personagem gay do filme, e posso dizer que amei sua atuação, confesso que não via ele apaixonado por Gastão, ele até tentava ser “macho” como ele, por isso vejo que ele só tinha uma grande admiração pelo mesmo e queria agradá-lo de todas as maneiras possíveis, sempre levantando o ego de seu amigo, até porque o mesmo fala que as mulheres o acha grudento demais e ele não entendia o porque de ele não ficar com nenhuma delas, mas no fim ele encontra seu ‘amor’.  😉

Logo vemos Bela indo atrás de seu pai, descobrindo o castelo, ela o adentra e tenta salvá-lo, mas logo vê que não será muito fácil, descobrindo a Fera que há no castelo, Bela faz uma troca com ele, deixar seu pai livre e ela ficar no lugar dele. Descobrindo que o castelo tem objetos falantes, Bela fica surpresa e assustada, mas logo vê que todos são bons e que a Fera não é tão má assim.

Lumière (candelabro) logo se alegra com a chegada de Bela e logo ele e todos do castelo tem esperança de que agora a maldição poderá acabar, mas não será tão fácil assim, Bela é uma garota difícil e a Fera mais difícil ainda.

Logo vemos um amor crescer entre os dois, deixando barreiras e teimosias de lado, a Bela e a Fera logo conhecem um ao outro, começam a conversar e descobrir que são mais parecidos do que pensam.

A Bela e a Fera me deixou orgulhosa de cada segundo, com atuações maravilhosas de todos os personagens eu pude rir, chorar e cantar junto, com lembranças da minha infância pude viver aquele momento mágico de que valeu a pena. O roteiro estava excelente e a direção foi maravilhosa, os efeitos estavam realmente incríveis e as canções estavam lindas demais, sem falar do figurino que estava impecável, acho que pode rolar um Oscar nessas categorias. 😉

Vale muito a pena ir conferir esse filme maravilhoso nos cinemas, sem contar que o filme já tá batendo recordes de bilheteria com US$ 170 milhões, ultrapassando Batman vs Superman que teve US$ 166 milhões, o filme também é o primeiro filme Live-Action da Disney a arrecadar mais de US$ 150 milhões, incluindo a de maior abertura nos Estados Unidos, em seu primeiro fim de semana de estreia A Bela e a Fera arrecadou US$ 350 milhões globais.

  • Lançamento: 16 de março de 2017;
  • Direção: Bill Condon;
  • Gênero: Fantasia, Romance, Musical;
  • Nacionalidade: EUA;
  • Elenco: Emma Watson, Dan Stevens, Luke Evans, Kevin Kline, Josh Gad, Ewan McGregor, Emma Thompson, Audra McDonald, Stanley Tucci, Gugu Mbatha-Raw, Hattie Morahan, Ian McKellen, Gerard Horan;

 

  • SINOPSE:

Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela tem o pai capturado pela Fera e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

 

  • TRAILER:

 

Comentarios

comentarios